sábado, 21 de novembro de 2015

ZODÍACO

Taí uma coisa criada para nos prender na Terra. As estrelas estão sempre em movimento e o que me constituiu no nascimento provavelmente já deve está tão distante que nem o vejo mais. Simplesmente estou vivo e não existe mais uma data que identifique meu corpo com a Terra. Então os zodíacos são signos matemáticos de identificação dos sentidos do corpo que nos prendem a determinados comportamentos por acreditarmos neles. Na Verdade que a era de Aquário nos trás através da água em sua jarra os signos tornam-se insignificantes e os sentidos do corpo agora são outros porque agora se movimenta em “slow motion”. Em baixo d’água o corpo é transcendental e os sentidos agora são mentais propagados pela reverberação de ondas marinhas. Reverberação é a nova mentalidade de ordem onde os zodíacos entram numa espiral eliminando completamente minha marca de nascimento que determinaria minha morte. Mas do lado de fora dessa matrix zodiacal a morte é um ilusão visto que não houve nenhum nascimento.

Nenhum comentário: