domingo, 12 de fevereiro de 2017

PARÁBOLA_DA_BICILETA

As ilusões, criadas pelo giro da catraca de uma bicicleta, é do que nosso mundo é feito.  Existe uma imensa “catraca” girando no cosmo que cria essa ilusão, gerando o mundo onde vivemos e o CICLOTRON seria a personalidade que consegue enxergar as projeções ilusórias que criam nosso mundo. O CICLOTRON ver a grande catraca de projeção da realidade e passa a fazer parte dessa criação, alterando a matéria e o curso das coisas. É como se a realidade fosse produzida a partir de um imenso caleidoscópico cósmico ou se preferir – PIXELS. Somos todos hologramas de nós mesmos e estamos sonhando um sonho. Cada um está sonhando o seu sonho. Vivendo suas próprias projeções/ilusões. É por isso que os relacionamentos amorosos são tão difíceis, uma vez que ninguém pode sonhar o sonho do outro. Você pode compartilhar sonhos, mas nunca sonhar o sonho do outro como se fosse seu também. Isso está bem claro no filme “Inception”. Em outras palavras o CICLOTRON é um alquimista. E nessa época de alta tecnologia ele materializa os pensamentos através dos sonhos e cura a humanidade dos seus pesadelos. Que legal ter se lembrado do CICLOTRON a partir desse invento CICLOTRÓPICO, só assim eu pude explicar melhor minha proposta artística.

Nenhum comentário: